É nesta segunda, em NY, o lançamento da linha de doces de Sharapova, a Sugarpova!

Não é à toa que Maria Sharapova é a atleta mais bem paga do mundo. Nesta segunda-feira, em Nova York, uma semana antes do início do US Open, a tenista lança a tão esperada Sugarpova, uma linha de doces premium, pensada por ela, desde os sabores e formatos até a embalagem.

Há quase dois anos, Sharapova se associou a Jeff Rubin, responsável pela criação da Dylan’s Candy Bar, para desenvolver o seu projeto.

“Sempre fui louca por doces e balas e pensei, porque não fazer algo que eu seja apaixonada?” disse a campeã de Roland Garros, em uma recente entrevista.

Tamanha é a sua paixão pelos doces que foi para a fábrica, em Murcia, na Espanha, que ela se dirigiu no dia seguinte à vitória inédita em Paris.

É desta mesma maneira, dando atenção a todos os detalhes e processos de fabricação de um produto que leva a sua assinatura, que Sharapova lida com os seus outros parceiros e empreendimentos. Seja a Nike, Cole Haan, as raquetes Head, a Samsung, Evian, Tag Heuer e a Tiffany.

Performance do mais alto nível, beleza, comprometimento, foco e bons profissionais ao seu redor, transformaram a tenista também numa mulher de negócios.

O lançamento desta segunda-feira, uma semana antes do último Grand Slam começar, foi programado para ser o assunto do momento em NY, dentro do mundo do tênis, da moda e dos doces.

O local escolhido para a premiere mundial do Sugarpova foi a loja Henri Bendel, que se define como visionária, elegante e experimental. Uma loja em que só visitar já é um deleite.

Os doces de Maria Sharapova,  serão vendidos lá e na cadeia It’s Sugar, espalhada pelos Estados Unidos e em alguns países, mas não no Brasil.

O desenho de uma boca, de diferentes cores, é o logo da Sugarpova e os doces, incialmente balas do estilo “gummy bears”, serão apresentados em diferentes sabores e formatos, claro que tem um que é uma mini bolinha de tênis. Mas, Sharapova registrou a marca para fazer chocolates também e até barrinhas de cereal, em uma segunda fase.

Ah, os preços? Dizem que serão acessíveis, mas vamos esperar para ver.

 

Leave a Comment

Filed under Uncategorized

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *