Tag Archives: atp south america

Gira Sul-Americana termina em alta com vitória de Nadal

A gira de torneios da ATP pela América do Sul terminou neste domingo com o maior dos campeões do saibro da atualidade, conquistando o título em Buenos Aires. Rafael Nadal venceu Juan Monaco na final do Argentina Open para erguer o 65 trofeu da carreira.

Com a vitória de Nadal no Buenos Aires Lawn Tennis Club, a Gira termina em alta.

Nadal em Buenos Aires

Mesmo sem grandes estrelas no circuito, além de Nadal, que optem por deixar os petrodólares de Dubai de lado ou as quadras rápidas da Europa, Estados Unidos e até mesmo de Acapulco, que já chegou a integrar a Gira, o tour da América do Sul cumpriu o seu papel.

Os fãs, com poucas exceções (São Paulo foi aparentemente dos menos cheios), encheram as arquibancadas de Quito a Buenos Aires. Tênis foi televisionado por horas e horas diariamente nos respectivos países, sem falar da exposição da região para o resto do mundo. E os tenistas latinos aproveitaram a chance única no ano de jogar por aqui e no saibro, para subirem no ranking. Espanhóis e latino-americanos brilharam nas quadras de Quito, São Paulo, Rio de Janeiro e Buenos Aires.

A gira começou em Quito, marcando o primeiro título de Victor Estrella Burgos, da República Dominicana, no circuito. Ganhou de Feliciano Lopez na final. Ele e Fernando Verdasco eram as grandes atrações no Equador.

A chave ainda contou com o bom resultado de Thomaz Bellucci, que foi à semifinal e de João Souza, o Feijão disputando a sua primeira final nas duplas. Jogou com Burgos e perdeu para Kretschmer e Satschko 7/5 7/6(3).

O Brasil Open viu Feijão alcançar o melhor resultado da carreira e chegar à semifinal. O colombiano Santiago Giraldo também foi à semi no Ibirapuera. O uruguaio Pablo Cuevas foi o grande campeão, derrotando a surpresa italiana, Luca Vanni na final.

Ainda teve Marcelo Melo na semi de duplas e os colombianos Juan Sebastian Cabal e Robert Farah ganhando nas duplas.

O Rio Open consagrou o espanhol David Ferrer, conquistando o 23o. título da carreira., diante de Fabio Fognini. Nadal, a grande atração, foi até a semifinal. Feijão continuou brilhando e foi quadrifinalista na cidade que escolheu para viver.

O austríaco Hauder Maurer, que eliminou Feijão, foi o único não latino nas quartas no Rio.

Bruno Soares foi o melhor duplista do Brasil, chegando à semi.

E ainda teve as mulheres no Rio Open. Gabriela Cé venceu o seu primeiro jogo na chave de um WTA e Bia Maia foi às quartas-de-final, tendo 3 match points contra a eventual campeã, Sara Errani.

 

Em Buenos Aires, a final dos sonhos para qualquer diretor de torneio. A grande estrela, Nadal, e o jogador local, Juan Monaco. Vitória de Nadal. 11argentinos na chave principal e 2 na semi. O torneio que ficou na ingrata data que era de São Paulo, conseguiu se recuperar.

 

Quadro de campeões

Gira Sul-Americana

 

ATP Quito

Victor Estrella Burgos(DOM) d. Feliciano Lopez (ESP) 6/2 6/7(5) 7/6(5)

Kretschmer /Satschko d. Souza/Estrella Burgos 7/6 7/6(3)

 

Brasil Open

Pablo Cuevas (URU) d. Lucas Vanni (ITA) 6/4 3/6 7/6(4)

Cabal/Farah d. Lorenzi/Schwartzmann 6/4 6/2

 

Rio Open

David Ferrer (ESP) d. Fabio Fognini (ITA) 6/2 6/3

Klizan/Oswald d. Andujar/Marach 7/6(3) 6/4

 

Sara Errani (ITA) d. Anna Schmiedlova (SVK) 7/6(2) 6/1

Bonaventura/Peterson d. Begu/Irigoyen 3/0 des.

 

Argentina Open

Rafael Nadal (ESP) d. Juan Monaco (ARG) 6/4 6/1

Sá/Nieminen d. Andujar/Marach 4/6 6/4 10-7

Leave a Comment

Filed under Uncategorized